sábado, 9 de junho de 2007

Sem Título.

Por que que você apareceu e fez isso comigo?Sabe, eu estava bem antes.Juro mesmo, bem mesmo!Mas não, você tinha que aparecer.você tinha que me encantar com esse seu jeito enigmático e inexplicável.Você tinha que se tornar uma coisa que eu não posso mais controlar.Você tinha que, de repente, controlar o meu olhar.Tinha que aparecer.Tinha que me mudar.Mas apesar de tudo isso, eu chego a achar estranho que eu achasse tudo tão bom antes.Vai ver só você me fez perceber o quão boa essa coisa nova pode ser.Vai ver você só veio me mostrar que se apaixonar é inevitável e estranho.Você diz que eu te assusto, mas o mais assustado aqui sou eu.Assustado com esse negócio estranho que eu não sei bem o que é.
Acho que o que eu quero dizer é que a vida ta me parecendo melhor agora.Ou será que não?Pra falar bem a verdade eu não sei, por que eu ja me esqueci como era a vida sem você.

12 comentários:

Maikel De Abreu disse...

Sincero hein? ô meu guri, estar assim parece ruim (ou vc ou personagem) mas todos buscam, esse feeling...
Amar é bom e estar perdido por isso é delicioso.
Bom texto, bem visceral.

Gilmar Zombie disse...

Não tem um sobre zumbis?
rsrs
(bricadeira)

Jé Strey; disse...

que lindo, tu que fez?
;)
beeijão!

cah. disse...

então...
;o

vi tu lá na comunidade x)
contradizendo o daqui de baxo...
é bom quando é correspondido
enfim

...

cah. disse...

*lá de cima

desculpa, so novo nessa coisa
\:

Sarah disse...

Noosa, gostei muito do texto!Tá carregado de sentimento.
Blog muito massa!!
Tá convidado pra dar uma passada sem compromisso no meu blog.

Beijos.

Ah,te ví lá na comunidade do orkut.

LuuZampieri disse...

adorei esse texto, muito perfeitinho ao meu momento também! hahaha

;)

Cris Penha disse...

puts!!

super lindo!! Continue a escrever assim!!!


Laboratório de Geografia

Geografia, informação, arte, cinema e diversão sem contra indicação.

http://laboratoriodegeografia.blogspot.com

menino sabido disse...

A paixão é o doce sabor da dor, ela fere, desespera, ela inquieta, não pára.
Mas como ela dá vida, cor... tudo tem um cheiro bom, o clima se torna gostoso, mesmo sendo muito quente ou muito frio, nosso sorriso se liberta, e o nosso olhar, quanto brilho exala...

Vc escreveu exatamente o ato de se apaixonar, e apesar de ser maluco todo esse sentimento, ele é muito bom.

^^

menino sabido disse...

ah, dando uma olhada nos outros textos afirmo sem nenhum receio: Você escreve maravilhosamente bem, assim como sua escrita, a leitura das suas frases fluem de uma maneira tão agradavel que dá para escrever algo sobre como vc escreve.

Layelle disse...

Franguelo mto lindo esse texto...
Acho que tem gente que está apaixonado...auahuahuahuahhuahua bricadeiraa, não vai me matar depois!!!

Rafa Cão disse...

Bem legal , um texto dramático "a la Goethe"

Abraços

http://muquifodemagnata.blogspot.com/